Saltar para o conteúdo

Impacto da Covid-19 no Turismo em Portugal | Agosto

02.10.2020 • 12:45
0

O Instituto Nacional de Estatística e o Banco de Portugal divulgaram ontem a estimativa rápida dos resultados da actividade turística, reportada ao mês de Agosto, que apontam para o prosseguimento da linha de recuperação, destacando-se o crescimento das dormidas dos residentes em algumas regiões.

De acordo com a estimativa rápida, em Agosto de 2020, o sector do alojamento turístico deverá ter registado 1,9 milhões de hóspedes e 5,1 milhões de dormidas, o que corresponde a variações de -43,2% e -47,2%, respetivamente (-64,0% e -68,1% em julho, pela mesma ordem). As dormidas de residentes terão diminuído 2,4% (-30,8% em julho) e as de não residentes terão decrescido 72,0% (-84,5% no mês anterior).

Em Agosto, 21,0% dos estabelecimentos de alojamento turístico terão estado encerrados ou não registaram movimento de hóspedes (27,8% em julho).

Ao nível dos nossos principais mercados, a estimativa prevê ainda decréscimos superiores a 50% (decréscimos superiores a 65% em julho):

– Reino Unido, Brasil, EUA, Países Baixos, Irlanda, Itália, Canadá, Polónia, Suécia, China e Dinamarca, com decréscimos que oscilam entre -71% e -93%;

– Alemanha, Espanha, França, Bélgica e Suíça, com decréscimos entre menos 50% e menos 68%.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.