Saltar para o conteúdo

A Suécia alcançou a imunidade de grupo?

30.09.2020 • 12:36
0

Enquanto no final das férias de Verão, a Dinamarca estava a viver uma segunda vaga, na Suécia havia diariamente menos de 500 novas infecções. Os dinamarqueses atribuem o êxito dos seus vizinhos à imunidade de grupo. A FOCUS Online conversou sobre esta tese com um virologista dinamarquês.

Sem confinamento. As escolas praticamente não fecharam. Restaurantes e bares cheios. A Suécia fez um percurso diferente na crise do coronavírus – e, num primeiro momento, parecia estar a fracassar. No início da pandemia, morreram muitas pessoas, até hoje o país regista 5870 mortos. A estratégia do epidemiologista-chefe do país Anders Tegnell foi alvo de duras críticas.

Actualmente, a situação na Escandinávia é outra. Enquanto as camas da «ala da pandemia» criada do Hospital Universitário Karolinska, em Estocolmo, permanecem vazias, a vizinha Dinamarca teve de decretar novas medidas.

Leia o artigo original, publicado na revista alemã FOCUS.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.