Saltar para o conteúdo

Porque é quase impossível o contágio no avião

30.06.2020 • 12:50
0

As companhias aéreas estão lentamente a reiniciar as operações depois da pausa forçada pelo coronavírus. Muitos viajantes têm medo de serem infectados a bordo, mas a verdade é que o perigo de contágio é mínimo.

Contudo, na verdade, é bastante improvável sermos infectado por uma doença no avião —pelo menos se cumprirmos algumas regras. Vejamos: o ar na cabina do avião é relativamente puro. Quase todos os aviões de passageiros dispõem do chamado filtro HEPA (as letras significam «high efficiency particulate absorbtion»), o qual filtra para fora da cabina 99,97 por cento de todas as partículas perigosas.

Leia o artigo original, publicado no jornal Aero Telegraph.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.