Saltar para o conteúdo

Banco de Espanha antevê uma contracção económica de 13%

22.04.2020 • 12:07
0

No seu mais recente boletim informativo, o Banco de Espanha aponta uma contracção económica 6,6% a 13,6%. Em termos comparativos, durante a crise de 2008, a economia espanhola perdeu 9,5 pontos do PIB e um ponto, na crise de 1993.

Os efeitos da pandemia serão muito profundos quer ao nível do desemprego (de 18,3% a 21,7%), quer ao nível da dívida (de 110% a 122% do PIB) e do défice público (de 7 a 11% do PIB).

O Banco de Espanha prevê ainda uma queda drástica de bens e serviços espanhóis e, em particular, do Turismo.

No que se refere ao cenário empresarial, 80% das empresas espanholas reduziram actividade e, em especial, as PMEs irão sentir um duro embate, pelas maiores dificuldades de acesso a financiamento. 30% das empresas tiveram quebras na produção.

Leia o artigo original publicado no jornal El País.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *